Se sempre que tem algum tempo livre tenta adiantar mais algum trabalho e não faz pausas, saiba que o seu nível de produtividade poderá baixar drasticamente a até ter consequências mais graves. Sempre que vai programar, o cérebro tem que ser capaz de juntar informação, processar informação, fazer cálculos e condições, interpretar os problemas, avaliar a dificuldade, definir se vai demorar muito ou pouco tempo, calcular o melhor caminho, adicionar informação e conjugar com a anterior. Se, além de todos estes parâmetros, ainda exigir que seja o mais rápido possível, poderá ficar com dores de cabeça, falta de atenção, maior lentidão a processar o que está a ver, tanto no computador como no exterior, dificuldade de falar, vontade de dormir, vontade de comer, perda de energia, ao ponto de se atirar para a cama e adormecer instantaneamente. Essa perda de energia faz com que não vá sair, dar uma volta, fazer algo que gosta, enfim, acaba preso no seu cansaço. A única coisa que pensa para o animar é "Eu estou exausto, mas o trabalho ficou excelente." Se esse cansaço se mantiver por um periodo longo de tempo que o impede de fazer o seu trabalho, poderá se sentir desanimado e revoltado consigo por não estar a ser produtivo. Nesse momento terá que entender que pode estar perto de um esgotamento cerebral e se tiver mesmo que fazer algumas tarefas, deverá fazer com moderação para que recupere lentamente, senão aproveite e tire uns dias. Já me senti assim e a partir daí percebi o quão importante é tirarmos pelo menos um dia da semana para descansar, é fundamental. Eu sei que provavelmente pensa "Mais um dia que podia ter usado para trabalhar!"... È verdade, mas acredite que se tirar o dia será mais produtivo nos dias que se sucedem. E evita estar numa situação caótica em que já não controla o seu próprio cansaço.
September 5, 2016, 12:05 am
É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo deste site sem prévia autorização do autor.

Contacto: [email protected]